Aluno leva choque na UFPE e colegas aplaudem pensando ser performance

cacdiogo

Um estudante da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) levou uma descarga elétrica vinda de um poste instalado próximo ao Centro de Artes e Comunicação (CAC) na tarde da última quarta (25). De acordo com a vítima, o aluno Higor Tenório, do curso de Licenciatura em Dança, colegas que presenciaram a cena acharam que a reação dele era uma performance e aplaudiram. O jovem foi socorrido, medicado e liberado no mesmo dia.

No momento do choque, Higor andava pelo entorno do Centro quando pisou na grama próxima ao poste e sentiu o choque. Ele contou que ficou com a mão presa ao poste durante quase um minuto, tendo convulsões e perdendo os sentidos. “Só lembro do momento em que gritei dizendo que estava levando um choque”, relembra Higor, que acordou com várias pessoas ao redor.

“Muita gente aplaudiu pensando que era uma performance artística, porque dentro de um centro de artes acontece. Vem ocorrendo muitos descasos, as pessoas levam choques mínimos.
Eu poderia estar fazendo uma performance contra esse descaso, mas não foi”, explica o estudante, que ficou chateado com o ocorrido.

Seguranças da UFPE prestaram socorro ao rapaz e, em seguida, ele foi levado à UPA da Caxangá. “Fui encaminhado à emergência no fim da tarde e só saí de lá por volta das 23h30”, comenta.

O estudante diz não conseguir mexer a mão direita, presa ao poste durante o incidente, além de sentir dores no nariz e no antebraço direito. “Eu vou ao médico amanhã [sexta], porque nem conseguir dormir estou conseguindo”, aponta. Segundo Higor, a Universidade não prestou esclarecimento a respeito do acidente.

Ao G1, a UFPE admitiu que houve o incidente, por volta das 17h30 de quarta-feira, e lamentou o ocorrido. A Superintendência de Infraestrutura da universidade explicou que a possível causa da descarga elétrica foi o galho de uma árvore, que forçou a fiação elétrica e fez com que ela encostasse no poste, de metal, causando o vazamento e a condução da corrente. Toda a área próxima foi isolada até que se verifique o aterramento do poste e se comprove a segurança. A árvore em questão deverá ser podada.

Ainda de acordo com a assessoria de imprensa da instituição, a UFPE prestou assistência ao estudante. Ele foi socorrido pela própria segurança do campus e encaminhado à UPA, sendo medicado e liberado no mesmo dia.

Fonte: G1

p.s. Não poderia deixar de registrar o relato publicado no Diário de Pernambuco de uma colega do estudante que sofreu o choque:

“Ele caiu no chão e houveram aplausos, lá no auditório onde eu estava, ouvi comentários de que ele havia arrasado na performance, desconfiei logo e fui ver o que era, vi muita gente ao redor, quando desci as escadas minha amiga desesperada me diz: Ele levou um choque muito forte, convulsionou agora e machucou o rosto. Imediatamente chamaram a segurança da UFPE e acompanhei junto ate a UPA da Caxangá”.

Anúncios

Como pombas podem ajudar a detectar câncer de mama

23nov2015---nivel-de-precisao-das-pombas-nos-testes-foi-de-99---como-pombas-podem-ajudar-a-detectar-cancer-de-mama-1448274175085_615x300

Pesquisas recentes apontaram que pombas teriam a capacidade de identificar tecido canceroso em mamografias e imagens digitalizadas.

Um estudo, divulgado na publicação científica Plos One, apontou que pombas acertaram 99% dos casos.

As pesquisas, lideradas pelo professor de patologia Richard Levenson, da Universidade da Califórnia, demonstraram que estas aves são capazes de distinguir entre tecido saudável e tecido canceroso.

Em um dos experimentos, a equipe de Levenson apresentou 144 imagens em preto e branco e em cores a oito pombas. Após cada imagem, a ave deveria optar por uma tela azul ou amarela para indicar a qual categoria o tecido pertencia – saudável ou doente.

Cada acerto foi recompensado com comida. No caso de erro, as pombas seguiam vendo imagens. Em duas semanas, a precisão aumentou de 50% a 85%. Para evitar que as aves pudessem identificar as imagens por memorização, novas foram intercaladas.

O segundo experimento, para identificação de microcalcificações, que são geralmente associadas à presença de câncer, também foi exitoso.

Nem a ausência de cor nem a mudança na compreensão das imagens afetou a habilidade das pombas, segundo o estudo.

As respostas combinadas das oito aves deram um resultado final de 99% de precisão.

O único teste que mostrou resultados menos animadores foi um no qual os animais deveriam identificar massas suspeitas nas mamografias: conseguiram detectar sua presença, mas não determinaram se eram benignas ou malignas.

Há de se reconhecer, no entanto, que esta é uma tarefa extremamente difícil, inclusive para radiologistas com muita experiência.

Pombas no consultório?

Como é possível que um animal com um cérebro menor que a ponta de um dedo possa, depois de 25 dias de treinamento, colocar-se no mesmo nível de um radiologista experiente com anos de estudo?

Apesar do tamanho do cérebro, as aves têm uma grande inteligência visual que supera a de humanos. Enquanto os nossos olhos têm três receptores de cores, os destas aves possuem cinco.

Além disso, estes animais têm uma visão periférica melhor que a de seres humanos, disse Edward Wasserman, professor da Universidade de Iowa e coautor do estudo.

Apesar disso, o talento recém-descoberto das pombas não significa que elas poderão substituir os radiologistas em consultórios médicos.

Pesquisadores acreditam, porém, que as aves poderão ser usadas para ajudar engenheiros a avaliar novas técnicas de análise por imagens.

Pizzaria do Guarujá volta a inovar, cria ‘sabor pneu’ e vira hit até na Europa

A apetitosa pizza de pneu
A apetitosa pizza de pneu

Uma pizzaria de Guarujá, no litoral de São Paulo, conhecida por oferecer aos seus clientes um cardápio bastante inusitado, ganhou notoriedade internacional nesta semana. Sucesso nas redes sociais desde o ano passado, a Pizzaria ‘Bate-Papo’ foi tema de uma reportagem do jornal inglês Daily Mail, que abordou a criatividade da equipe em fazer pizzas ‘bizarras’.

A reportagem do jornal inglês aborda o sucesso que a pizzaria obteve na internet. Atualmente, já são mais de 80 mil seguidores na página do estabelecimento no Facebook. Em um site de compartilhamento de imagens, as foto das pizzas do estabelecimento brasileiro já foram vistas mais de 500 mil vezes.

Segundo o “Daily Mail”, alguns internautas mostraram surpresa com a variedade do cardápio, já outras pessoas julgaram positivamente o restaurante brasileiro por conta da grande diversidade. “O Brasil já cometeu muitos crimes contra a humanidade e aí está uma prova”, disse um deles.

pizza_gigante
A delicada “fatia gigante” ocupa duas mesas de bar.

Recentemente, a Pizzaria ‘Bate-Papo’ voltou a inovar em suas criações. Além dos sabores distintos, o cliente pode consumir uma fatia gigante de pizza, com 110x60cm. Além disso, os ‘objetos’ inseridos nas pizzas não param de aparecer, como uma ‘pizza de pneu de carro’.

Criatividade
Em entrevista ao G1, o dono e pizzaiolo responsável pelo cardápio criativo da pizzaria, Ricardo dos Santos, de 43 anos, disse que passou por várias profissões antes de abrir seu próprio negócio.

“O pessoal vem aqui e quer comer as diferentes. O cliente pede uma pizza gigante e tira foto. Todo mundo quer tirar foto. O pessoal chega aqui com uma turma de quatro, cinco ou seis pessoas para comer uma pizza. Cada um pede o seu sabor. O pessoal sai satisfeito, os pedaços são grandes e ainda tem a sobremesa no meio”, disse.

Em uma pizza, opções para todos os gostos e sobremesa garantida.
Em uma pizza, opções para todos os gostos e sobremesa garantida.

Fonte: G1 – http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2015/11/pizzaria-hit-na-web-volta-inovar-cria-sabor-pneu-e-conquista-ate-europa.html

Eleição para prefeito de cidade da Flórida é decidida em jogo de cartas

Eleição para prefeito de cidade da Flórida é decidida em jogo de cartas

Dois candidatos tiveram o mesmo número de votos em Bradenton Beach.                   Estatuto diz que a eleição deve ser por sorteio, mas não especifica como.

1105_brlo_recount01.jpg-2

O novo prefeito da cidade de Bradenton Beach, na Flórida (EUA), Bill Shearon, foi eleito ao vencer seu rival, Jack Clarke, em um jogo de cartas, depois de um empate absoluto entre eles nas eleições realizadas na última terça-feira, informou nesta quinta-feira (5) a imprensa local.

Shearon ficou com o cargo após tirar um ás de paus, superando o dez de paus escolhido por Clarke. Cada um obteve 195 votos no pleito municipal e o único voto enviado por correio, que teria servido para resolver a questão, foi em branco.

election-deck-cards-11-04

Portanto, após considerar alternativas como lançar uma moeda, dados ou o tradicional jogo de pedra, papel e tesoura, o supervisor eleitoral do condado de Manatee, Mike Bennett, decidiu comprar um baralho para definir a disputa.

“O estado da Flórida e o estatuto de Bradenton Beach especificam que, em caso de um empate absoluto, as eleições serão resolvidas por sorteio, mas não define como”, explicou Bennett a imprensa.

“Muitas vezes as pessoas dizem: ‘meu voto não importa”, disse Bennett, citando o ocorrido em Bradenton Beach, uma pequena ilha de cerca de 1.500 moradores como exemplo de como cada voto é importante para o resultado final.

A acirrada disputa entre os políticos é antiga, pois Shearon foi eleito prefeito em 2013 e substituído por Clarke em maio, em um pleito especial após Sharon ter sido cassado por denúncias de “violações da lei” que nunca foram comprovadas.

Shearon já tinha sido notícia quando foi eleito em 2013 ao se tornar no primeiro prefeito cego na Flórida e por ter vencido o pleito com apenas oito votos a mais que Clarke.

Fonte: G1, com agradecimentos a Renata Magalhães, que deu o toque sobre esta importante informação! – http://g1.globo.com/mundo/noticia/2015/11/eleicao-para-prefeito-de-cidade-da-florida-e-decidida-em-jogo-de-cartas.html

Após 2 anos, americano ‘transforma’ celular em Porsche em site de trocas

Steven Ortiz fez 14 trocas de objetos no Craigslist.com.                                                   Adolescente passava até seis horas procurando produtos.
Steven Ortiz e o seu Porshe
Steven Ortiz e o seu Porshe

Com 14 trocas de produtos no site de classificados Craigslist ao longo de dois anos, um adolescente americano conseguiu “transformar” um celular antigo que ganhou de um amigo em um Porsche conversível.

De acordo com reportagem publicada no site “Whittier Daily News”, o estudante Steven Ortiz, hoje com 17 anos, começou sua jornada em 2008. Após ganhar um aparelho velho, decidiu trocá-lo por outros produtos até conseguir um bom carro.

Diariamente, o jovem passava até seis horas à caça de oportunidades de “upgrade”  para os objetos no Craigslist.com. Começou trocando o aparelho por um melhor, passou para um iPod Touch e assim foi até chegar ao Porsche. Entre os produtos trocados, estão uma bicicleta, um computador MacBook, um Toyota 4Runner, um carro de golfe e um Ford Bronco de 1975 de colecionador.

Segundo a reportagem do jornal americano, Ortiz desfrutava de cada produto por um tempo antes de trocá-lo por um “novo”. “As pessoas perguntavam ‘Você pode trocar meu celular por um carro’. Eu respondia ‘Posso, mas não será fácil'”, afirmou o adolescente à publicação.

Ele explicou que, como produtos caros podem rapidamente perdeu seu valor, muitas pessoas acham mais vantajoso trocá-los por objetos que estejam realmente precisando. O homem que trocou o Toyota por um MacBook, por exemplo, era um músico que precisava de um computador para sua banda e não queria mais o carro, contou Ortiz.

O jovem, que agora desfila com seu Porsche conversível modelo 2000 pela cidade de Glendora, na Califórnia, já está pensando em trocar de carro. Cada revisão do automóvel custa cerca de US$ 1 mil.

Conferência de homeopatia termina em caos, após participantes tomarem droga semelhante a LSD

Cerca de 30 pessoas foram encontradas rolando num gramado e falando coisas sem nexo em evento na Alemanha.

2BFA066C00000578-3227578-image-a-4_1441792115315

Uma conferência de medicina alternativa terminou em caos na Alemanha, após de dezenas de participantes tomarem uma droga semelhante a LSD e sofrer de alucinações. O grupo de “Heilpraktiker” foi encontrado no hotel onde o evento era realizado na cidade de Handeloh, ao sul de Hamburgo, na última sexta-feira.

Segundo a mídia local, cerca de 30 pessoas entre homens e mulheres foram encontradas cambaleando, rolando num gramado, falando coisas sem nexo e sofrendo fortes cãibras, quando a situação foi descoberta.

Uma equipe médica com mais de 150 pessoas, equipadas com ambulâncias e representantes da polícia foram para local atender às pessoas que sofriam alucinações e levá-las ao hospital. Os pacientes, com idades entre 24 e 56 anos, também apresentavam quadros de problemas respiratórios, taquicardias e cãibras, sendo alguns em estado grave.

Testes de sangue e urina revelaram que todos tinham tomado a droga alucinógena 2C-E, também conhecida como Aquarust. A substância é ilegal no país desde o final do ano passado.

A mídia local divulgou fotos da ocorrência:

Torsten Passie, um membro da comissão de especialistas do governo alemão para narcóticos, disse à rádio NDR: “Deve ter sido uma overdose múltipla. O que sugere que as pessoas envolvidas tomaram o alucinógeno sem saber do que se tratava. Alguém tem que assumir que as pessoas não foram informadas sobre a substância, seus efeitos e riscos antes de tomá-la.”

A polícia está apurando todas as possibilidades, incluindo se a droga foi ou não tomada como um experimento coletivo e se foi furtivamente dada aos participantes da conferência como uma brincadeira.

Nenhuma prisão foi determinada. A investigação continua em curso para verificação de uma possível violação da Lei de Narcóticos da Alemanha.

A Associação Alemã de Profissionais de Cura, que representa homeopatas, bem como outros naturopatas, rapidamente se distanciou do caso. Em um comunicado, ele disse que nenhum dos seus representantes tomou alucinógenos durante o “incidente” em Handeloh.

Fonte: O Globo

Banco do Canadá pede que as pessoas parem de desenhar o Spock nas notas de 5 dólares

Live Long And Prosper

A última moda no Canadá é desenhar o Spock, personagem de Jornada nas Estrelas, nas notas de cinco dólares canadenses. O ato é tido como uma homenagem ao ator Leonard Nimoy, que faleceu em 27 de fevereiro deste ano após ter interpretado o vulcano por 47 anos. Os executivos do banco, no entanto, não estão gostando nem um pouco da brincadeira.

A nota de cinco dólares canadense é originalmente estampada com o perfil do Sir Wildrid Laurier, sétimo primeiro-ministro do país, e ele tem lá sua semelhança com o personagem. Rabisque uma franja, orelhas pontudas, grossas sobrancelhas, costeletas e voilà: sai o primeiro ministro e entra o oficial de Jornada nas Estrelas. Alguns aproveitaram para escrever nas notas o mantra do personagem: “Vida longa e próspera”. Surpreendentemente, não é ilegal desenhar sobre notas de dinheiro — pelo menos no Canadá –, mas uma representante do Banco do Canadá clama para que a homenagem chegue ao fim pois “escrever em uma nota pode interferir nas formas de segurança implementadas nela, além de reduzir o tempo de vida da cédula”, diz. Ela também afirma que rasuras em notas podem fazer que elas não sejam aceitas em transações e o Banco acredita que a homenagem não seja apropriada porque as notas são um “símbolo do país e um exemplo de orgulho nacional”.

Com todo respeito ao sétimo primeiro-ministro do Canadá, eu, pessoalmente, acho as notas “spockadas” bem mais legais.

Fonte: Gizmodo